top of page
  • Lucas Pereira

Crônica: A melhor Prática Espiritual

Atualizado: 11 de jun. de 2023


Lucas Pereira, escritor, budismo, crônica, ensinamento, tibetano, Darma
Crônica: A melhor Prática Espiritual - por Lucas Pereira

No budismo Tibetano acredita-se que o hábito de caminhar em torno de um templo ou estátua sagrada, pode gerar incontáveis méritos.

Conta-se, que certo dia um Monge novato estava circumambulando um Mosteiro quando seu mestre veio até ele e disse:

"Circular locais sagrados pode até ser meritório, mas é muito melhor praticar o Darma sublime."

Humildemente, o monge passou a estudar, memorizar e recitar os principais sutras budistas, até que um dia seu mestre o encontrou em meio a seus estudos e devoções, e logo o advertiu.

"Estudar escrituras e realizar atos virtuosos pode até ser bom, porém, seria muito melhor praticar o nobre Darma."

Imediatamente o monge passou a investir todo seu tempo na prática de meditação, tornou-se um praticante exímio e destacado.

Até o dia em que o mestre encontrou-o sentando em um canto, com um olhar fixo e concentrado.

"Meditar pode até ser bom," comentou o ancião, "mas a prática genuína do Darma seria ainda melhor."

Nessa altura, o monge estava totalmente confuso, pois todas as suas tentativas de seguir o verdadeiro caminho esbarraram nas reprovações de seu sublime guia.

"Meu venerável senhor, que deveria eu fazer então?" ele suplicou.

"Simplesmente abandone todas as expectativas com relação ao seu caminho"

Respondeu o mestre seguindo seu caminho em silêncio.

Existem incontáveis formas de práticas espirituais — físicas e mentais, internas, externas e secretas — e há tantas diferentes opiniões a respeito delas quanto há formas, no entanto, este conto nos ensina principalmente que:

“Não há nada mais sublime em nosso caminho espiritual, quanto à ausência de expectativas.”

Deveríamos treinar nossa energia interna para impedir que ela se torne refém de modelos mentais pré-fabricados por anseios e crenças limitantes.

Nossa vida não é uma competição, não somos obrigados a nos tornar mais ricos, mais belos ou mais famosos, somos livres e temos todo o potencial para alcançarmos a felicidade independente de qualquer fator externo a nossa mente.

Há uma citação interessante do cineasta americano Steven Spielberg que pode ser introduzida neste contexto:

“Eu sempre me preparo para o fracasso e acabo surpreendido pelo sucesso”

O filósofo estoico Sêneca vai mais além:

“A expectativa é o maior impedimento para viver: leva-nos para o amanhã e faz com que se perca o presente”

E quando perguntado sobre o que mais o surpreende na humanidade, S.S. o XlV Dalai Lama respondeu brilhantemente:

“O homem. Porque ele sacrifica sua saúde, a fim de ganhar dinheiro. Em seguida, sacrifica o dinheiro para recuperar sua saúde. E então está tão ansioso sobre o futuro que não desfruta o presente; o resultado é que ele não vive nem no presente nem no futuro; ele vive como se nunca fosse morrer, e depois morre sem nunca ter realmente vivido.”

Mas enfim, qual seria a melhor prática espiritual?


Resposta: Qualquer uma que me desafie a "viver” no aqui e no agora” sendo quem realmente sou, que me faça ser hoje, alguém melhor do que fui ontem, que me faça crescer constantemente. sem expectativas e em constante harmonia com o universo.


Com mãos em prece.



Que tal concorrer a livros grátis?

Aproveite esta oportunidade! "acesse aqui " e participe de sorteios semestrais de livros e brindes exclusivos desta página.


Conheça o escritor Lucas Pereira (Padma Dondrub) um praticante budista que compartilha através de seus livros toda experiência e conhecimento adquirido ao longo de 15 anos de estudos e meditação. Acesse aqui seus " Livros" .



Foto de THÁI NHÀN no Pexels

450 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

コメント

5つ星のうち0と評価されています。
まだ評価がありません

評価を追加
bottom of page